A Verdade e o Caráter de Deus

A Verdade e o Caráter de Deus

Ludibriadas pelo engano as pessoas são instruídas pelos dominadores das trevas, e o maior Inimigo de Deus e dos homens, corrompe o conhecimento a respeito do Criador e do seu amor por nós. Não é difícil identificar esse espírito diabólico infiltrado na sociedade, e até mesmo na religião. Afinal, suplantando a liberdade, com o jugo da opressão, muitas religiões conduzem multidões. Uma busca sem fim por um relacionamento com Deus, sem que sejam desatadas as amarras da ignorância e da servidão, por meio da graça e da verdade em Cristo Jesus.

São conceitos e superstições, dogmas e crenças que atribuem a Deus o que ele, na verdade, não é. Obras que ele jamais realizaria e com as quais nunca se envolveria. Atribuem a destruição e a desgraça ao Criador da vida. Uma terrível deturpação do caráter e da natureza do Pai. E não teria como ser diferente. O homem é incorretamente treinado e confundido quanto ao caráter do Eterno Deus, bem como sobre suas intenções e pensamentos ao nosso respeito. E a sua imagem é desvirtuada e danificada.

O apóstolo Paulo esclarece o que está por traz dessa insensatez que permeia os corações e mentes: “O deus desta era cegou o entendimento dos descrentes, para que não vejam a luz do evangelho da glória de Cristo, que é a imagem de Deus.” (2 Coríntios 4.4). As pessoas, do mesmo modo que atribuem bênçãos e dádivas à vontade de Deus, atribuem também desgraça e destruição à sua soberania, enquanto o diabo continua às soltas para dar andamento às suas obras malignas.

E assim, o bom Deus é visto como um tirando cruel. O Criador é tido como o causador e mentor de todo tipo de acontecimento, sendo, no final das contas, a personificação do bem e do mal – e o diabo passa despercebido. E dessa forma, o tirano do império das trevas massacra a humanidade e instrui as pessoas de tal modo que elas se tornam indiferentes diante do próprio mal.

Afinal de contas, o ser humano, que deveria ser o deus desta terra, cedeu lugar para o Diabo e sua influência espiritual maligna. Como resultado, entre Deus e as pessoas passou a existir o deus Satanás que rouba, destrói e mata o conhecimento, a dignidade, o potencial e o propósito divino no coração dos homens. Durante muito tempo não houve alguém capaz de levantar-se contra o Inimigo e derrotá-lo. A terra estava, portanto, nas mãos de um opressor cruel.

Contudo, como podemos ver na narrativa sublime e envolvente das Escrituras, o momento estava por vir, em que a Verdade seria revelada ao nosso coração, e a natureza divina, o poder e a presença do Espírito Santo voltariam a inspirar a existência humana e a compartilhar o sentido da vida. O amor, e o seu sublime propósito para a vida, se revelariam à humanidade: “Nele estava a vida, e esta era a luz dos homens” (João 1.4). O milagre da recriação do espírito humano estava a caminho. Os homens poderiam receber um novo coração e ter de volta a comunhão com o Espírito Santo e com a Palavra, nos fundamentos da justiça.

Extraído do livro “A FESTA DA REDENÇÃO” | Manassés Guerra
Adquira o seu agora mesmo em nossa loja: www.manassesguerra.com/produto/a-festa-da-redencao/

No Comments

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *